sábado, 8 de junho de 2019

CTB na defesa da aposentadoria: "QUERO VIVER DEPOIS DE TRABALHAR"


Por Guilherme Imbassahy, do Jornalistas Livres - Principal tema do debate público atualmente no Brasil, a proposta de Reforma da Previdência do governo Jair Bolsonaro está sendo negada pela maioria dos brasileiros e brasileiras, como atestam as últimas pesquisas de opinião de institutos como o Datafolha e o Vox Populi.

sexta-feira, 7 de junho de 2019

Flávio Dino e Luciana Santos comentam visita a Lula

Por Osvaldo Bertolino - Portal Vermelho - Foto: Ricardo StuckertFlávio Dino e Luciana Santos estiveram com o ex-presidente Lula, em Curitiba
Em visita a Luiz Inácio Lula da Silva na sede da Polícia Federal em Curitiba, o governador do Maranhão Flávio Dino e a presidenta do PCdoB, Luciana Santos — também vice-governadora do estado de Pernambuco debateram com o ex-presidenta a conjuntura nacional, além de manifestarem solidariedade à sua condição de vítima de um processo judicial injusto.

Jandira Feghali diz que grampo de Sergio Moro viola a democracia

Richard Silva/PCdoB na Câmara

Jandira diz que grampo de Moro viola a democracia
Segundo o jornal Folha de S.Paulo, a operação foi feita pela 13ª Vara Federal de Curitiba, comandada na época pelo então juiz Sergio Mor
o.

A líder da Minoria na Câmara dos Deputados, Jandira Feghali (PCdoB-RJ) diz que o grampo de Moro nos advogados de Lula é uma violação absurda dentro de uma democracia ao direito de defesa e sua privacidade.
“Já não é a primeira vez o ato arbitrário. Em 2016, o então juiz divulgou para imprensa áudio da presidenta do Brasil”, lembrou a deputada.
A presidenta nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), diz que o episódio é mais uma prova da politização da Lava Jato e do lawfare contra o presidente Lula.
“Temos tudo para anular a condenação e para que a verdadeira Justiça seja feita. Lula é inocente. Há tempos que rumos precisam ser corrigidos e o STF precisa agir”, disse.
Paulo Pimenta (PT-RS), líder do PT na Câmara, afirmou que nem na ditadura militar se tem notícia de “tamanha imoralidade e tamanho crime”. “Os criminosos não foram punidos, eles foram promovidos”, fazendo referência a Moro e seu staff.
Da redação

Wallace Paz: Como jogar a indústria brasileira no fundo do poço

Por Wallace Paz*
Peso da indústria da transformação no PIB passou de 11,3% no final de 2018 para 10,4% nos três primeiros meses deste ano

Mais do que uma crise generalizada – política, econômica e social –, o governo mostra uma gritante incapacidade de apontar rumos e perspectivas. O Produto Interno Bruto (PIB) do País – que já havia crescido apenas 1,1% em 2018 – caiu 0,2% no primeiro trimestre de 2019, conforme o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia Estatística). No caso da indústria, o recuo foi ainda maior: -0,7%. A construção civil teve queda de 2%, acumulando, agora, 20 trimestres seguidos de retração. Como a atividade agropecuária também encolheu, a estagnação econômica se transforma, aos poucos, em nova recessão.

quinta-feira, 30 de maio de 2019

Márcio Jerry diz que há uma pregação das trevas contra a ciência

Em debate na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados, o deputado Márcio Jerry (PCdoB-MA) ironizou os posicionamentos do astrólogo Olavo de Carvalho e seus seguidores.
“A terra é plana e a temperatura global aumentou porque o termostato está perto do asfalto”, afirmou em tom irônico sobre as frases ditas pelo guru e seus seguidores. “É essa a temperatura contextual da política brasileira”, diz.
Não se trata de exagero, segundo o parlamentar, e nem de posicionamento político partidário. Trata-se de uma obviedade: há uma pregação das trevas contra a ciência.
Assista ao vídeo:


BUSCA MERCADO LIVRE